Subscribe:

quinta-feira, 28 de julho de 2011

Especial Atividade Paranormal: Produção, Curiosidades e Finais alternativos

Quando assisti o primeiro Atividade Paranormal (Parnaromal Activity) em 2009, só conseguia subir as escadas da minha casa durante a noite se fosse correndo. Sério, eu lembrava daquela escada do filme e subia 18 degraus em duas passadas, só pra vocês terem uma noção do nível do medo. Na época, fui pro cinema sem saber sobre nada do filme, pensei até que fosse baseado em fatos reais. Também não sabia que o filme seguia mais ou menos aquele mesmo estilo de pseudodocumentário como em A Bruxa de Blair (The Blair Witch Project, 1999). Com todo aquele marketing em cima do filme, fui assistir às escuras pra ver no que ia dar. O resultado foi correr da minha sombra na escada durante uma semana não assista o filme se tiver escada em casa.

Por conta disso, resolvi desenvolver este texto para descrever o que o filme realmente é, falar sobre minhas próprias impressões a respeito do longa, suas sequencias e algumas curiosidades como os finais alternativos e aquela versão que foi produzida no Japão. Assim, você que ainda não assistiu, não cometerá o mesmo erro que cometi ao ir assistir o filme sem saber nada a respeito. E pra quem já assistiu, poderá conhecer algumas curiosidades bem interessantes da franquia, que com certeza nunca você pensou que existisse. Bom, quem tiver coragem, continue lendo o texto. Ah, regra número 1: NÃO ASSISTA SOZINHO.

Atividade Paranormal

Antes de ser adquirido pela Paramount Pictures, o filme foi originalmente desenvolvido como uma produção independente de Oren Peli, que escreveu e dirigiu o filme. Exibido pela primeira vez em 14 de outubro de 2007 no maior festival de filmes de terror dos Estados Unidos, o Screamfest Horror Film Festival, o longa foi exibido em mais alguns festivais e recebeu um lançamento apenas nos Estados Unidos em setembro de 2009, sendo lançando mundialmente em 14 outubro de 2009.



A trama gira basicamente em torno do jovem casal Katie e Micah, que passa a ser assombrado por uma entidade demoníaca e desconhecida. O filme é apresentando como se fosse um found footage, ou seja, é como se alguém tivesse achado as gravações que o casal deixou pra trás e resolveu editar e fazer um longa-metragem com isso. Foi a mesma técnica usada na Bruxa de Blair, dando a impressão que se trata de um documentário real. Daí o motivo de muitos acharem que o filmes são reais ou baseado em histórias reais.

No início, o filme se mostra bem chatinho e massante, os desavisados de plantão não conseguem entender nada. Eu mesmo, logo no começo, achei que tinha desperdiçado meu tempo e meu dinheiro ao ir assistir aquilo. Mas do meio pro fim, quando as atividades paranormais começam a se desenvolver gradativamente, o filme se torna bem mais interessante e cada vez melhor à medida que vai avançando na trama. Os 30 minutos finais são o ápice do filme e já valem, por si só, o valor da entrada. O final do filme é tenso e aterrorizante!

Atividade Paranormal 2

Devido ao grande sucesso do primeiro filme, é claro que os produtores não iam deixar passar a  oportunidade de ganhar mais dinheiro e produzir um segundo. Batizado simplesmente de Atividade Paranormal 2 (Paranormal Activity 2) e lançado em 22 de outubro de 2010, o filme foi escritor por Michael R. Perry e dirigido Tod Williams. Dessa vez, Oren Peli (diretor do primeiro filme) não participou da direção nem do roteiro do segundo longa-metragem, mas seguiu como produtor da franquia. Atividade Paranormal 2 é um prelúdio do primeiro filme, narrando acontecimentos que se iniciam dois meses antes da trama original e terminam em eventos posteriores ao final do primeiro longa. 

Seguindo o estilo anterior de "gravações amadoras deixadas para trás", o filme  é ambientado na casa de Kristi (irmã da Katie) e de Dan, seu marido. A história conta com vários personagens como Ali, filha do primeiro casamento de Dan, e um bebê que é filho do casal, sem contar com a supersticiosa empregada doméstica. As atividades paranormais logo se iniciam e a trama flui muito bem do começo ao fim. Diferente do primeiro, você não consegue tirar os olhos da tela até o filme terminar ( a menos que feche os olhos de tanto medo). Ao tomar conhecimento que se tratavam de outros personagem vivendo numa casa diferente, achei que os filmes não teriam ligação alguma, me enganei redondamente. Os dois filmes foram interligados de uma forma genial! 

Apesar de se tratar de um prelúdio, Atividade Paranormal 2 narra alguns acontecimentos posteriores à primeira trama e explica muita coisa também, então NÃO deve, de forma alguma, ser assistindo antes do primeiro filme.

Curiosidades sobre a criação do projeto

  • O diretor e criador do filme, Oren Peli, teve medo de fantasmas durante toda sua via. Devia sentir medo até de fimes como Os Fantasmas se Divertem e Os Caça-Fantasmas. Ele quis canalizar isso pra algo positivo e resolveu produzir o filme.
  • Peli levou um ano para preparar a PRÓPRIA CASA como cenário para o filme, colocou carpete e tudo mais. Nesse meio tempo, pesquisou muito sobre fantasmas, demônios e outras entidades.
Olha a cara de felicidade dela quando soube do cachê.
  • Os nomes verdadeiros dos atores que interpretaram os personagens Katie e Micah eram, respectivamente, Katie e Micah.
  • Os diálogos pareciam naturais porque o filme não possuía script, o diretor dava um direcionamento de como deveria ser a cena e os atores improvisavam.
  • Cada ator recebeu apenas 500 dólares pelo trabalho de atuação no projeto inicial
  • O fime foi rodado em sete dias.
  • O estúdio que adquiriu os direitos sobre o projeto queria refazer o filme inteiro com Oren Peli dirigindo e disponibilizar o material original apenas como conteúdo extra em DVD/Blu-Ray. Oren Peli concordou, mas estipulou que fosse feito um teste de exibição do original com um público selecionado antes de seguir em frente com o remake, acreditando que o filme pudesse ser bem recebido. Durante o teste de exibição, as pessoas começaram a sair da sessão na metade do filme. Os executivos do estúdio acharam que o filme foi um bomba total, mas depois perceberam que as pessoas estavam saindo da sala por medo, então decidiram que um remake era totalmente desnecessário.
  • Uma pseudo-continuação do filme original foi produzida no Japão — Atividade Paranormal em Tóquio (Paranômaru akutibiti: Dai-2-shô - Tokyo Night). O filme é praticamente um remake do original disfarçado de sequencia. Algumas coisas mudam, como o fato de se tratar de um casal de irmãos. Na trama, a garota do casal de irmãos chega dos Estados Unidos e supostamente traz o demônio que esteve na casa de Katie e Micah com  ela para sua casa no Japão. Entretanto, o filme foi totalmente ignorado, uma vez que Atividade Paranormal 2 foi lançado. O filme também foi exibido no Brasil e está disponível em Blu-Ray e DVD para locação. Assista o trailer do filme!
Finais alternativos

Quando a Paramount adquiriu o projeto inicial, dois finais alternativos foram desenvolvidos e um deles foi usado oficialmente na versão de cinema. Os outros dois, inclusive o final original de Oren Peli, foram descartados e disponibilizados apenas como conteúdo extra. Continue lendo para saber os motivos. 

Devido a restrições por conta dos direitos autorais, não será possível postar os vídeos dos finais alternativo. E mesmo se fosse postado, não adiantaria pois logo seria tirado do ar, desta forma, vou descrevê-los sucintamente. A fim de evitar spoilers pra quem ainda não assistiu, será necessário selecionar o texto com a descrição dos finais alternativos para uma melhor visualização.

  • Final oficial exibido nos cinemas: Katie levanta da cama durante a madrugada e fica encarando Micah por umas duas horas. Em seguida, ela anda  e desce a escada, após um instante de um silêncio, ela grita pelo nome de Micah, que levanta e corre pra ver o que é. Fora da vista da câmera, é possível apenas ouvir gritos incessantes de Katie enquanto Micah tenta falar com ela. Depois disso, um grito de dor vindo de Micah é escutado. Os gritos cessam e após um breve silêncio é possível ouvir sons de passos pesados subindo a escada. Depois de outro breve silêncio, chega a parte mais tensa do filme, o corpo de Micah é jogado violentamente contra a câmera, fazendo com que o foco seja direcionado para Katie no vão da porta. Depois disso ela anda lentamente pelo quarto, com suas roupas cobertas de sangue, e se abaixa para cheirar Micah. Logo depois ela olha em direção da câmera e sorri malignamente, outro momento assustador, e com uma cara demoníaca ela avança e a cena é cortada. O filme termina com um texto de epílogo dizendo que o corpo de Micah foi encontrado posteriormente, e que o paradeiro de Katie permanecia desconhecido.
  • Final Original de Oren Peli: O começo é basicamente o mesmo, Katie desce as escadas e grita por Micah, que corre atrás dela. Só que dessa vez, Micah permanece lá em baixo (obviamente morto) e Katie volta sozinha para o quarto, coberta de sangue e com uma faca na mão. Depois disso, ela senta em posição fetal ao lado da cama e começa a se balançar e continua por um dia e meio mais ou menos. Dá pra ouvir que uma amiga de Katie deixa mensagens na secretária eletrônica perguntando por que eles estão sumidos. Logo depois, a amiga resolve passar na casa deles e presumidamente encontra o corpo de Micah lá em baixo, grita e sai correndo. A polícia chega na casa e Katie só acorda de seu estado catatônico quando os policias já estão lá em cima. Segurando a faca, coberta de sangue e confusa sobre o que está acontecendo, ela se aproxima dos policias e começa a chamar por Micah. Acreditando que ela é uma ameaça, a polícia atira nela, que cai no chão. Uma nota em memória do casal é apresentada antes dos créditos.
Final Cinemas | Final Original
  • Final alternativo do estúdio: O início não é muito diferente, Katie levanta da cama durante a madrugada e fica encarando Micah por umas três hora horas, depois ela finalmente anda  e desce a escada. Depois solta um GRITO HORRÍVEL, que faz com que Micah acorde e corra em direção à ela. A barulheira continua lá em baixo, ouve-se um golpe e tudo para repentinamente. Passos são ouvidos e Katie aparece na porta com uma faca na mão e com suas roupas cobertas de sangue. Ela tranca a porta do quarto, anda em direção à câmera, para por um breve momento e corta a própria garganta bem na frente da câmera (sem olhar diretamente pra ela), caindo no chão.
Considerações finais

Pra quem ainda não assistiu os dois primeiros filmes, corra pra locadora mais próxima, alugue e assista com alguém de sua família, vale muito à pena. Os corajosos podem assistir a versão japonesa também! 

E os que já assistiram os filmes, será que estão preparados para o tão aguardado Atividade Paranormal 3? O filme promete explicar — de uma vez por todas — todo o mistério por trás da entidade demoníaca que assombra os personagens da franquia. O longa estréia dia 21 de outubro de 2011, confira o trailer!

15 comentários:

TON disse...

Cara eu sou muito fã da franquia, simples e genial.

Aranho Cardozo disse...

Posição fetal (de feto), e não "fecal" (de fezes). De resto, ótimo texto!

Tayson disse...

Hahaha. Nossa, que gafe! Eu devia estar literalmente com merda na cabeça quando escrevi.

Valeu, Aranho.

Glenn disse...

Só um adendo:
O filme original custou pouco mais de 15 mil dólares...
Steven Spielberg teve acesso á uma cópia, mas com medo de assistir á noite, assistiu durante o dia.
Ele acreditou no projeto e foi ele quem sugeriu o final que está nos cinemas. Tanto que Spielberg investiu 5 mil dólares para refilmar o final novo.
Fora que foi Spielberg quem sugeriu a distribuição do filme para a Paramount.
Não sei porque essas informações não estão neste post, ou o autor não pesquisou ou copiou de outro lugar sem incluí-las.

Tayson disse...

Optei por incluir apenas aquilo que está na parte de "curiosidades sobre a criação do projeto" mesmo. Se eu fosse colocar tudo, teria que criar outro texto só pra isso pois esse ficaria muito longo e eu não pretendia fazer uma Wikipédia de Atividade Paranormal no post. Mesmo assim, obrigado pelo adendo.

Jr magal disse...

O que me encantava nesse filme éra a possibilidade de que fosse tudo "REAL", confesso que me assustou MUITO enquanto acreditava nisso. Para mim agora, é um filme de terror comum.

Anônimo disse...

só vi o primeiro.
lixo. não vou ver o resto. tão ruim qto jogos mortais... na minha opinião.
gosto é gosto.

Cisoo disse...

assisti aos 2 filmes, e sinceramente nao gostei, a historia é bacana, mas depois q vc assiste vc fica com a sensaçao "só isso q aconteceu, affe perdi meu tempo" demora muito pra acontece algo e quando começa a fica mais ou menos acaba, eu vou assistir o 3 pra ver se vai ter uma continuaçao agradavel, mas esperava mais deles.

Aahh, e o primeiro é mil vezes melhor q o segundo.

leticia disse...

quando assisti ao primeiro fiquei encantada (sou apaixonada por filmes de terror) o que me mais me chamou atenção foi como ele nos leva a sentir medo de algo que não podemos ver, e a magia do filme está toda nisso. Quando assisti o dois, tive orgasmos hahaha é incrivel como ele se desenrola no tempo e explica tudo que o outro deixa a desejar. Espero que o terceiro estreie no dia primeiro de outubro, não aguento mais esperar hahaha. Otimo post

hannilson disse...

otimo posto!!! parabéns!!!

Emanuela Chaves disse...

gostei muito dos dois primeiros filmes,com tão pouca grana fizeram uma trama muito boa!!!
Amei o post,muita coisa que eu não sabia,como a existência de mais de 2 finais!

Anônimo disse...

eu só assisti esse filme pq me falaram q era aterrorizante e q ficaram ate sem durmi por causa do filme. qdo terminei de assitir descobri q só disperdicei meu tempo, pois pra mim o filme é mto fraco. esperava q tivesse mais coisas e qto ao final se alguem souber um link pro final q ela corta a garganta me falam pois esse me parece ser o melhor final ja que os outros 2 foi uma merda. agradeço se alguem me responder.

Helô disse...

Oi Anônimo!
Achei em péssima qualidade, mas é esse aqui:
http://www.youtube.com/watch?v=Y4YASFW22bA&feature=related

beijos! e obrigada por ler o nosso blog!

Anônimo disse...

eu assisti o 2 sozinha, de noite.. eu tava sozinha em casa.. n me deu mt medo.. so de vez em qando me dava uns sustos... pow + e mo legal..

Anônimo disse...

na minha opniao os dois filmes foram excelentes qdo assisti o primeiro morria de medo de andar em casa sozinha e olhe qee eu amo filmes de terror.
Mas fiquei mais assutada pq pensei qee fosse verdade.

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...